terça-feira, 8 de agosto de 2017

Os alimentos mais viciantes da atualidade



Um grupo de pesquisadores da Universidade Michigan (EUA) fez um estudo no ano de 2015, com o objetivo de descobrir quais são os alimentos mais viciantes da dieta moderna, que tanto valoriza o sabor e a praticidade dos alimentos prontos.

Dos 20 alimentos citados, acredito que a maioria faça parte da alimentação diária de muitos leitores do blog.

Fiquei surpresa ao verificar que nozes e ovos também fazem parte desse grupo.  Isso ocorre por serem alimentos ricos em gordura. Os outros, além de gordura, podem ser ricos em açúcar e/ou altamente processados.


Pizza


O que exatamente causa o vício?
Segundo o professor Gilberto Brasiliano, o “centro de recompensas” que temos no cérebro é ativado por alimentos ricos em açúcar e gordura, sendo essa a mesma área relacionada à vícios.

“Os alimentos altamente processados tendem a desencadear respostas biológicas que são semelhantes às de comportamentos viciantes, principalmente por estarem relacionados a altos níveis de recompensa ” – explica o professor Gilberto Brasiliano.

Confira abaixo a lista dos alimentos mais viciantes.

20 – Ovos
19 -  Nozes
18 – Muffins
17 – Bife
16 – Gummies
15 – Cereal matinal
14 – Pipoca amanteigada
13 – Salgadinhos assados
12 – Frango frito
11 – Bacon
10 – Queijo
09 – Bolo
08 – Refrigerante
07 – Cheeseburger
06 – Batata-frita
05 – Sorvete
04 – Cookies
03 – Salgadinhos
02 – Chocolate
01 – Pizza

Fiquei surpresa ao constatar que pizza está em primeiro lugar, principalmente por ser predominantemente salgada.

A mesma pesquisa demonstra também que os alimentos não processados, com nenhum ingrediente refinado são os alimentos menos viciantes. Entre eles estão: pepino, arroz integral, banana, morango, cenoura, brócolis.


Testando!
Para mim, somente o item 2 é viciante, mas não de forma exagerada. Os outros que consumo (9, 15, 19) não alcançaram esse status, pois raramente percebo que quero muito consumir algum deles, pois não fazem tanta diferença em meus hábitos alimentares.



Agora é a sua vez!
Gostaria de sugerir que você também fizesse esse teste por algumas semanas ou meses, para verificar quais alimentos são mais propensos a desencadear esse tipo de resposta biológica em seu organismo.

Na lista acima com o top 20 não há nenhuma fruta, verdura, tubérculo ou legume. Talvez porque a composição química desses alimentos seja equilibrada, com o objetivo de alimentar e não de viciar ou sobrecarregar o organismo – se consumidos em quantidades adequadas.

A maioria dos alimentos da lista proporciona o aumento dos radicais livres, que por sua vez acelera o envelhecimento. Além disso, sobrecarrega o pâncreas devido aos constantes picos glicêmicos e pode acarretar outros problemas agudos e crônicos.

Segundo Conceição Trucom, “hoje sabe-se que o pâncreas é um órgão atrofiado devido ao enorme estresse que sofre desde a mais tenra idade. E uma informação chocante: hoje, uma criança com 2-3 anos de idade já consumiu todo o açúcar que um adulto 100 anos atrás, consumia ao longo de toda a sua vida.”


Então eu pergunto: precisamos mesmo desses alimentos?



Cesta-de-frutas

Quanto mais natural o alimento for, melhor para a saúde.

A simplicidade, tão esquecida em vários aspectos da vida, parece também ter sido relegada à segundo plano na alimentação. Mas não precisamos – e nem devemos – deixar que os hábitos da sociedade de consumo dominem também essa área fundamental da vida.

Por motivos óbvios, a indústria quer vender. Mas será que precisamos mesmo comprar?


Pense nisso!




Créditos da imagens:
Pizza:  artemisphoto - Free Digital Photos
Cesta de frutas:  Ambro - Free Digital Photos 

Referências:
http://boaforma.abril.com.br/dieta/os-alimentos-mais-viciantes-segundo-um-estudo-de-michigan/
http://www.megacurioso.com.br/ciencia/85701-pesquisa-revela-quais-sao-os-20-alimentos-mais-viciantes-de-todos.htm
http://ns.umich.edu/new/noticias-em-portugues/22762-igual-a-nicotina-e-o-alcool-batata-frita-chocolate-e-pizza-tambem-viciam
http://ns.umich.edu/new/noticias-em-portugues/22762-igual-a-nicotina-e-o-alcool-batata-frita-chocolate-e-pizza-tambem-viciam
http://www.boasaude.com.br/noticias/701/acucar-no-sangue-pode-aumentar-producao-de-radical-livre.html
http://www.envelhecimento.med.br/radicaisLivres.php
http://www.minhavida.com.br/beleza/materias/4973-acucar-causa-envelhecimento-da-pele
https://www.docelimao.com.br/site/especial-kids/alimentacao/435-acucar-gostoso-veneno-ou-doce-ilusao.html
http://www.mundoboaforma.com.br/como-os-picos-de-insulina-afetam-seu-corpo-e-como-evita-los/
http://riodesaude.blogspot.com.br/2014/09/nao-sobrecarregar-o-pancreas-causando.html



4 comentários:

  1. Olá Rosana!

    Pela minha experiência e pelo meu histórico de leitura do assunto, alimentos viciantes tem uma concentração grande de carboidratos (e consequentemente açúcar). Todos os 9 primeiros possuem alta quantidade deles.

    Quem pratica a dieta páleo ou lowcarb consome mais gorduras e sente muito menos necessidade de comer (ou seja, os alimentos não aparentem ser viciantes). Por isso, achei bem estranho aparecer queijos e ovos, por exemplo, nesse estudo. Em meu círculo de relacionamento, não vejo ninguém compulsivo por esses alimentos rsrs

    Concordo, em geral, que os alimentos naturais são melhores. Mas também vejo por aí muitas pessoas considerarem naturais alimentos, que de fato, não são, como o pão integral.

    Enfim, estudos científicos são bons, mas também pisam muito na bola. Devemos avaliar sempre com muito cuidado. Não sei se conhece, mas se quiser ir mais a fundo nesse meu comentário, procure o blog do Dr. Souto no Google. Lá ele fala bastante sobre isso.

    Abraço e boa semana!



    ResponderExcluir
  2. André,

    Gostei do seu comentário.

    Em relação as gorduras, por experiência própria percebo que a combinação gordura e açúcar é viciante. Mas como você disse, queijo e ovos puros são realmente estranhos na lista.

    Infelizmente o chamado pão integral (que de integral não tem nada) é consumido largamente, acho que muito por falta de informação e de opção. Você não encontra embalagens de pães com a descrição "feito com grãos integrais". Em muitos casos a indústria utiliza termos como saudável e integral para alimentos que não possuem realmente essas características.

    Agradeço pela dica do blog do Dr. Souto, vou ver. :)

    Boa semana para você também!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A maioria dos pães, de fato, não são integrais em sua maioria. Mas meu ponto é ainda mais rígido: mesmo os pães integrais de verdade não são algo saudável não. Eu deixei de consumi-los faz tempo. :)

      Excluir
  3. André,

    Eu também acho que os pães não são saudáveis (mesmo feitos em casa), mas ainda não consegui deixar de consumi-los como você. rsrsrs

    Abraços,

    ResponderExcluir